Já ouviu falar da MORINGA?


A moringa é uma árvore que deveria se tornar conhecida mundialmente imediatamente.

Se este conhecimento for disseminado e compreendido na sua totalidade, dificilmente não encontraremos pelo menos uma muda desta planta na casa de todas as pessoas que buscam uma alimentação mais nutritiva no seu dia a dia.

Hoje mesmo tendo conhecimento dos benefícios de cada alimento, dificilmente encontramos neles o valor nutritivo em sua totalidade.

Os solos encontram tão infestados de diversas substâncias químicas tidas como necessárias para um bom cultivo agrícola, que todo mundo parece ter se esquecido dos malefícios e das consequências de ter um alimento extraído daquele local.

A única solução seria se cada um pudesse ter acesso a alimentos plantados em uma propriedade que houvesse a supervisão de pessoas que compreendessem a seriedade deste assunto e que não cooperassem com este esquema global de desnutrir toda a população em prol do lucro excessivo que é exigido no sistema capitalista.

Como nos dias atuais esta realidade se torna quase inexistente, a solução temporária seria aumentar o valor nutricional que ingerimos com este super alimento chamado Moringa.

Ela é capaz de resolver no mundo a fome, a desnutrição e a miséria.   

A Moringa Oleífera, entre todas as demais árvores, ou plantas de nosso planeta, é considerada um Tesouro Vegetal.

Veja suas propriedades:

São 92 nutrientes, 47 antioxidantes, 36 anti-inflamatórios e 19 aminoácidos.

27% de proteína a mais do que qualquer carne, superando leite, ovos, peixe, e principalmente a carne de boi.

Contém todos os aminoácidos essenciais para a saúde do corpo humano.

17 x mais cálcio do que o leite.

25 x mais ferro do que o espinafre.

10 x mais vitamina A do que a cenoura.

1/2 x mais vitamina C do que a laranja.

7 x mais potássio do que a banana.

50 nutrientes a mais do que a Aloe Vera, (babosa).

Ômegas 3, 6 e 9.

1200 x mais zeatina que qualquer planta antienvelhecimento.

Ela é alcalinizante, estudada ao longo de vários países por diversas instituições, é base de tratamentos de enfermidades graves, como câncer, depressão, Alzheimer, epilepsia, diabetes, inflamações, obesidade, reumatismo, dengue e HIV, entre muitos outros males atuais.

É uma árvore que se tem o percentual de 100% de aproveitamento, pois pode-se ingerir as folhas, flores, sementes e raízes.

Você deve estar se perguntando: “Porque esta informação não é divulgada como deveria?

Talvez por ser uma opção tão barata pela facilidade de ser cultivada no quintal de qualquer um que venha se interessar por ela. Se não tiver muito espaço para o plantio, basta aparrar ela da forma correta (a sua haste central, ou uma poda radical) que você conseguirá cultiva-la em um pequeno vaso dentro dentro da sua própria casa.

Desta forma, o sistema (indústria alimentícia, governo, etc.) não lucraria “rios” de dinheiro como assim o faz com tantos alimentos no mercado tipos como “super alimentos”, e que não beneficiam nem 10% comparado ao que esta planta faz ao nosso organismo.

Desta forma você pode economizar muito no seu orçamento diminuindo o gasto com alimentos desnecessários. Tente comer 50% menos, tire todos os alimentos embutidos e enlatados, diminua aqueles que contenham conservantes, cultive a MORINGA na sua casa para seu consumo próprio e pratique exercício físico regularmente e sinta a diferença você mesmo.

A Associação Dakila Pesquisas liderada por Urandir Fernandes de Oliveira já se atentou aos benefícios desta planta, e já cultiva milhares destas árvores em suas propriedades próprias para o consumo dos seus associados. Faça você também!

Moringa – a planta para a nutrição.