Zigurats a cidade do futuro no Brasil

Uma Cidade Planejada em cada detalhe…. Situada no município de Corguinho, estado do Mato Grosso do Sul, aproximadamente a 120 km de Campo Grande, encontramos o belíssimo Complexo Turístico Zigurats. Este complexo possui trilhas ecológicas, riachos com pequenas cachoeiras, paredões para a prática de rapel, e uma vista deslumbrante do cerrado, vegetação característica do local, e das chapadas, de encher os olhos de qualquer amante da natureza! Construções Diferenciadas Lá encontramos construções projetadas minuciosamente dentro de uma simetria que proporciona resultados exatos e precisos. Possuem coberturas em forma de arco, domo, quadriculado e piramidal, atendendo a fórmulas inovadoras que dificultam destelhamento, caso ocorram acidentes climáticos na região. Tal arquitetura diferenciada é resultado de uma tecnologia herdada de civilizações antigas. Construção Escalonada No centro deste complexo, está sendo erguida uma construção Escalonada com 63 metros de base, por 63 metros de altura, e 09 de profundidade, que poderá ser vista do alto. Segue também um padrão usado por outras civilizações há milhares de anos. Irá abrigar shopping, museu, cinema, salas para estudos e pesquisas, escola, biblioteca, anfiteatro e hotel. Além disso, esse grande Centro Comercial irá gerar muitos empregos e recursos a comunidade local. CTZ/Observatório O Centro de Tecnologia Zigurats foi cuidadosamente planejado, sendo construído em um ponto que facilita a visualização do céu. Equipado com um telescópio moderno, através de um sistema robótico eficiente e computadorizado que possui características próprias, desenvolvidas e projetadas especialmente para ele. O que o torna um sofisticado e único equipamento científico de pesquisa. Tem como […]


BDM Digital a moeda digital que mais cresce no Brasil

Foi bem no início da pandemia que o Bônus Dourado Mercantil (BDM) Digital inaugurou, com uma moeda criptografada e segura e com a tecnologia blockchain própria, sem burocracia e com poder de compra e venda instantâneo. Audaciosos, os empresários envolvidos disseram que aguardariam “algumas semanas” para ver o resultado. No entanto, o sucesso foi tamanho que a moeda se expandiu em Mato Grosso do Sul, São Paulo, entre outras capitais brasileiras, bem como países da Europa e Estados Unidos. “O empresário, comerciante e o consumidor baixa o aplicativo e, tendo as suas moedas, pode ir ao mercado, ao cinema, farmácia, colocar combustível, fazer tudo com nossas empresas parceiras e até pagar água, luz e boletos. Temos inúmeros estabelecimentos credenciados e a pessoa pode ainda vender a moeda, já que tem valorização. E se quiser o dinheiro em espécie também é possível”, afirmou o presidente do BDM Digital, Urandir Fernandes de Oliveira. Segundo ele, é no próprio aplicativo ou site que o cliente pode fazer solicitações e ligar para a central de atendimento. “O BDM é mais uma alternativa, que não concorre com a moeda nacional e nem os bancos tradicionais, pelo contrário, pois acaba ajudando o próprio sistema governamental na distribuição de renda social não só para a classe empresarial, mas principalmente para aqueles que não tiveram oportunidade de obter estabilidade financeira. A própria valorização da moeda ajuda a multiplicar seus bens. É interessante pelas vantagens, porque tem descontos em compras, facilidades nas operações e oferece independência e liberdade de […]


Dakila Pesquisas visita a base brasileira na Antártica

A Marinha do Brasil está veiculando em sua página oficial do Facebook um vídeo produzido pela equipe de pesquisadores do Instituto Dakila Pesquisa.Mostrando o cenário tomado pela neve, onde foi instalada a Estação Antártica Comandante Ferraz, a assessoria da Marinha do Brasil apresenta o vídeo como capaz de “aliviar o cenário de calor incessante em quase todas as regiões do país nestes últimos dias” e propõe, em seguida: “Que tal se refrescar com as imagens do Continente Antártico?”. Na sequência, a página oficial da Marinha do Brasil no Facebook afirma que “o vídeo, além de apresentar as novas instalações da Estação Antártica Comandante Ferraz, vai deixar a temperatura bem mais amena” e termina postando as hasteg: #Confira #ContinenteGelado #EstaçãoAntártica e o crédito do vídeo: @Dakila Pesquisas. Para conferir o vídeo refrescante, como a própria Marinha do Brasil o classifica acesse: Para aliviar o cenário de calor incessante em quase todas as regiões do país nestes últimos dias, que tal se refrescar… Posted by Marinha do Brasil on Thursday, October 8, 2020


Saiba como ser um associado Dakila Pesquisas

A associação Dakila Pesquisas conta com milhares de pesquisadores no Brasil e em outros países. Possuindo núcleos nas principais capitais para atender os interessados nos estudos desenvolvidos, além de realizar diversas atividades, incluindo as associações. Para facilitar todo o processo, abrimos as inscrições para novos associados via on-line. Bastando seguir os passos: 01) Faça o Download dos arquivos abaixo, imprima e preencha todos os dados: CADASTRO ASSOCIADO:https://bit.ly/2FZthK3 TERMO DE ADESÃO:https://bit.ly/32T67ho 02) Efetue o pagamento do valor da associação através dos dados bancários descritos no link: DADOS BANCÁRIOS:https://bit.ly/33Znz3c 03) Nos reenvie os documentos preenchidos, assinados e escaneados juntamente com o comprovante pagamento para o e-mail:[email protected] É muito importante seguir todo o processo corretamente, preencher todos os campos, datar e assinar os documentos para que a sua associação seja efetivada com sucesso! Após todos os passos realizados, entraremos em contato com você. Junte a nós e faça parte deste legado. Qualquer dúvida estamos a disposição. Seja bem vindo(a) a Dakila Pesquisas!


Pandemia mundial e a indústria farmacêutica

Durante os últimos meses a população vive uma confusão de informações envolvendo saúde, coronavírus, imunidade, medicamentos e tratamento. Um turbilhão de notícias da mídia mundial focando em informações negativas chegam a todo o momento fazendo as pessoas aumentarem o seu medo, trazendo outras consequências. Porque não pesquisar e buscar soluções diferenciadas? Aumentar a imunidade, fortalecendo o sistema imune do corpo é essencial. Com este objetivo Dakila Pesquisas realizou este vídeo para levar ao conhecimento de todos a confusa Pandemia do Coronavírus, que não tem como foco a saúde da humanidade, mas sim o interesse por medicamentos caros, vacinas manipuladas e o sumiço de remédios acessíveis.


Possível vida microbiana extraterrestre: Fosfina é encontrado em Vênus

Há algo curioso nas nuvens de Vênus. Telescópios detectaram concentrações altas de moléculas de fosfina — uma substância química com odores fortes e inflamável, geralmente associada a fezes, a gases e à atividade de deterioração por microorganismos — em uma camada atmosférica muito acima da superfície escaldante do planeta. A descoberta é curiosa porque, aqui na Terra, a fosfina está sempre associada a criaturas vivas, tanto como um subproduto dos processos metabólicos ou de tecnologias humanas como os laboratórios de metanfetamina. Apesar de ser tóxica para muitos organismos, a molécula foi apontada como uma assinatura clara de vida, porque é muito difícil que seja produzida através de processos geológicos ou atmosféricos. Vênus é um planeta infernal, coberto por nuvens de ácido sulfúrico e possuindo pressões superficiais opressivas e temperaturas quentes o suficiente para derreter chumbo. Mas essa camada de nuvem em particular onde a fosfina está presente é relativamente agradável, desfrutando de muita luz solar e de pressão atmosférica e temperatura semelhantes às da Terra. Os resultados terão de ser checados com cuidado pela comunidade científica. Ainda assim, é provavel que os dados despertem um interesse renovado na exploração de nosso planeta irmão tão próximo. “É uma descoberta muito interessante porque a fosfina não se encaixa em nossas ideias sobre quais substâncias químicas deveriam existir na atmosfera de Vênus”, diz Michael Wong, astrobiólogo da Universidade de Washington. O cientista planetário Sanjay Limaye da Universidade de Wisconsin–Madison concorda. “O resumo é que nós não sabemos o que está acontecendo”, ele diz. […]


Dakila Pesquisas e a Secretaria Especial da Cultura do Governo Federal visam parceria

Dakila Pesquisas e a Secretaria Especial da Cultura do Governo Federal estão em tratativas visando parceria para levantar o acervo cultural e turístico das construções milenares existentes na Amazônia. Reunião de trabalho neste sentido foi realizada na sexta-feira dia 11 de setembro entre o secretário Especial de Cultura, Mário Frias, o deputado federal Roberto de Lucena (PODE/SP); a assessora de Imprensa, Camila Cortez e o presidente de Dakila, Urandir Fernandes de Oliveira, quando foram abordados temas ligados ao Caminho do Peabiru e Ratanabá, a antiga capital do mundo. Deputado Roberto de Lucena, Presidente de Dakila Urandir, Ministro Mário Frias e assessora de imprensa Camila Cortez. Estão localizados no coração da Amazônia diversas ruínas e construções que remetem às primeiras civilizações que estiveram na Terra, entre elas a desconhecida Muril que construiu edificações padronizadas em todos os continentes posteriormente relacionadas como templos e fortalezas pelos historiadores. O Caminho do Peabiru que na língua tupi, “Pe” tem o significado de caminho e “abiru” gramado amassado e em Irdin (o idioma universal que antecede a primeira língua falada na Terra, a “acadiana”) quer dizer caminho para dentro, são antigos trechos utilizados por diversas civilizações desde muito antes do descobrimento do território americano por países europeus, ligando todo o litoral brasileiro passando por países sul americanos até chegar ao monte Nemrut na Turquia. Em breve uma comissão de ambas as partes visitará vários pontos da região amazônica para realizar grandioso projeto voltado ao turismo científico e cultural na Amazônia.  


O Pantanal não queima.

Como é que o Pantanal, a maior planície alagada do planeta está em chamas? Mais uma vez as mídias nacionais e internacionais tentam mostrar uma realidade bem diferente do que acontece no Brasil. Enquanto tentam difamar nossa competência em preservar a natureza e biomas excepcionais, que fazem parte das inúmeras riquezas do nosso país, grandes companhias estrangeiras compram nossas terras produtivas e férteis. Algumas a preço de “banana”! Antes de apoiar àqueles que se dizem preocupados com o futuro do ecossistema, melhor verificar os fatos, ter uma visão 360 graus e entender tudo que está em jogo neste baralho com cartas marcadas. Qual será a próxima mentira? Vão queimar o que?